Viaje Para Israel » A Terra Prometida

Cel/WhatsApp/Telegram: (011) 95329-7733 - (011) 3101-9064  

COMPARTILHE |         |

Share this on WhatsApp

A Terra Prometida

O patriarca Abrão habitava em Ur dos caldeus, que na antiguidade estava localizada na Suméria. Deus disse para que Abraão deixasse sua terra e parentela.

”Ora, o Senhor disse Abraão: sai da tua terra, da tua parentela, e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei. Farei de ti uma grande nação, e te abençoarei , e te engrandecerei  nome, e tu serás uma bênção. Abençoarei os que te abençoarem e em ti serão benditas todas as famílias da terra”. (Gn.12.1-3)

Abrão obedeceu á voz de Deus e seguiu viagem, tendo passado pelos território de Canaã era escassamente povoado. A região montanhosa, em sua maior parte, ainda não tinha sido ocupada por uma população sedentária; portanto a Bíblia é absolutamente correta ao dizer que os patriarcas vaguearam pelos montes de Canaã e nas terras secas ao sul, onde ainda havia bastante espaço para eles. Essa situação geral que prevaleceu durante a Idade de Bronze (2000 a 1500 a.C), no território cananeu está em pleno acordo com a vida seminômade dos patriarcas, como é descrita no relato do Gênesis. No entanto uma grave escassez de mantimentos levou Abraão a deixar Canaã e buscar refúgio no Egito.

Ao retornar a Canaã. Abrão se tornou rico em ouro, prata e rebanhos. Em Canaã Abrão que significava Pai exaltado se tornou Abraão cujo significado é Pai de muitos.

Já avançado em idade o patriarca e sua esposa Sara tiveram um filho por nome Isaque, o qual se casou com Rebeca , se casou cm suas primas Lia e Raquel.

José, um dos filhos de Jacó, foi vendido como escravo a Potifar, depois de um período, foi escolhido para ser governador da nação egípcia. Por causa de uma greve de fome Canaã, Jacó e sua família mudaram-se para o Egito, e anos depois tornaram-se escravos de Faraó. Todavia, no tempo de Moisés os hebreus conquistaram sua liberdade e fizeram uma peregrinação com o objetivo de chegar a Canaã.

 

download

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *